Zonal 2.4

Hoteis Oficiais Deville Bussines e Hotel Del Rey

Aulas de Xadrez

domingo, 15 de setembro de 2013

ALEKHINE – UMA INTERESSANTE ABORDAGEM DA RUY LOPEZ, DEFESA STEINITZ - Por E. Pereira

ALEKHINE – UMA INTERESSANTE ABORDAGEM DA RUY LOPEZ,
DEFESA STEINITZ

Celebrado, entre outros motivos, por sua incrível visão combinatória, Alekhine nos brinda nessa partida com uma combinação belíssima, com o tema central de duas torres dobradas na coluna h.
É importante perceber como ele, jogando de modo empreendedor e sempre colocando obstáculos no caminho do adversário na escolha das melhores respostas, vai construindo em etapas a posição que, coroada pelo brilhante sacrifício final, coloca as pretas em uma
inescapável rede de mate. (Ernesto)

Alekhine,Alexander - Mindeno,A [C62]
Simultanea - Holanda, 01.10.1933
[Comentários de Alekhine]

1.e4 e5 2.Cf3 Cc6 3.Bb5 d6
A Defesa Steinitz, que estava em moda na época do match Lasker-Capablanca (1921), desapareceu definitivamente da prática magistral.
Na realidade, o procedimento moderno, com o lance intermediário 3...a6 (Steinitz Diferida), oferece as pretas, depois de 4.Ba4 d6, uma gama mais ampla de planos de desenvolvimento que o autorrestritivo lance do texto.

4.d4 exd4 

Depois de 4...Bd7, a linha mais promissora para as brancas
seria 5.Cc3 Cf6 6.Bxc6 Bxc6 7.Dd3!

5.Dxd4

5.Cxd4 Também é bom. Com o lance do texto, as brancas planejam o
roque grande.

5...Bd7 6.Bxc6 Bxc6 7.Cc3 Cf6 8.Bg5 Be7 9.0–0–0 0–0 10.h4

Essa posição já havia ocorrido a longo tempo em uma partida de torneio de Anderssen, em Baden-Baden, 1870. O campeão alemão jogou aqui 10.The1, e a partida terminou em empate. Com a finalidade de verificar uma vez mais o valor do lance, eu a repeti em Folkestone, 1933, contra um homônimo de Anderssen, o mestre dinamarquês
E. Anderssen, porém, em que pese tenha ganho a partida, sua primeira etapa não foi desfavorável para as pretas: 10...Cd7 11.Bxe7 Dxe7 12.Td3 Df6 13 Cd5 Bxd5 14.exd5 Dxd4, etc. A jogada do texto encerra algumas sutilezas, porque as pretas não devem cometer excessos no esforço para desalojar o bispo de g5.

10...h6

Esse lance, em si, não é ruim, porque as pretas não estão obrigadas a capturar o bispo com o peão, podendo deixar essa opção em aberto para quando a posição não ofereça perigo para o Rei.

11.Cd5

Sacrifício correto e exatamente calculado, que as pretas não deveriam aceitar. Entretanto, 11.Rb1 seria ainda mais apropriado para manter a tensão.

11...hxg5?

Ainda que o desfecho final do sacrifício era muito difícil de prever, não resta dúvida que seu aceite merece censura. Era óbvio que a abertura da coluna h implicava um perigo mortal, ainda mais considerando que as pretas tinham uma defesa perfeitamente segura (ao menos nesse momento) continuando com 11...Cxd5 12.exd5 Bd7, etc.

12.Cxe7+!

É evidente que 12.hxg5 Cxd5 13.exd5 Bxg5+ não era bom porque as pretas teriam boa defesa.

12...Dxe7 13.hxg5 Cxe4

Contra qualquer outro lance de cavalo, a duplicação das torres na coluna h seria decisiva. E se 13...Dxe4 14.gxf6 Dxd4 15.Txd4 Bxf3 16.gxf3 Tfe8 17.Tg4! g6 18.Tgh4, o mate é inevitável.

14.Th5 De6

Se 14... f5, as brancas forçariam o ganho de uma forma semelhante a do texto: 15.g6 De6 16.Ce5! Cf6 (caso contrário segue 17.Tdh1) 17.Th8+! Rxh8 Dh4+ Rg8 Th1 com mate inevitável.

15.Tdh1 f5

Depois desse lance parece que as pretas se salvam, porque se 16.g6 Dxg6 17.Ce5, obteriam uma torre e duas peças menores pela Dama mediante 17...Dxh5 18.Txh5 dxe5.
Porém, uma inversão espetacular de lances termina com suas esperanças.

16.Ce5!!

Jogada surpreendente, cuja finalidade consiste em debilitar a defesa da casa d5.

16...dxe5 17.g6!

O arremate final. Se agora 17...Dxg6 segue Dc4+ com mate em três.


1–0

Partida originalmente postada no site do CXC: www.cxc.org.br

segunda-feira, 9 de setembro de 2013

1º Aberto do Brasil de Xadrez Cidade de Forquilinha/SC


sábado, 7 de setembro de 2013

Jogos da Juventude Catarinense - OLESC 2013

Realizado na cidade de Caçador - SC, os Jogos da Juventude Catarinense 2013.

No Xadrez Convencional participaram vinte e três equipes no naipe masculino e vinte e duas no naipe feminino.

Nas provas de Blitz, 110 jogadores no masculino e 82 no feminino. . No Rápido,  99 jogadores no masculino e no feminino 78.

Resultados final pelo Chess-results.

Convencional Masculino
http://chess-results.com/tnr109819.aspx?lan=10

Convencional Feminino
http://chess-results.com/tnr109821.aspx?lan=10