Aulas de Xadrez

3º Torneio Internacional de Concórdia - R$9.000,00 em prêmios

quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Rápido FIDE em Piraí do Sul


terça-feira, 12 de novembro de 2013

Rifa de Jogo de Xadrez em Madeira Modelo Stauton


A abertura da rifa foi efetuada durante a XIX Etapa Riad Salamuni de Xadrez Rápido CXC - Circuito Dr. Mauro de Athayde 2013. O ganhador foi o Dr. Henrique Marinho, sócio do CXC, conforme podem ver na cartela acima, iniciando pelo lado esquerdo superior e descendo até o quarto quadrado, o nome Alessandra.

Obrigado pela participação de todos.

terça-feira, 5 de novembro de 2013

Curso de Arbitragem - Organização, Legislação e Swiss Manager - Blumenau

Curso de Arbitragem - Organização, Legislação e Swiss Manager
ID 2129/13



DATA - 22 a 26 de novembro de 2013.
LOCAL - Blumenau/SC
Certificado de 20 horas/aula, em parceria com as seguintes instituições:
Confederação Brasileira de Xadrez – CBX;
Federação Catarinense de Xadrez – FCX;


CONTEÚDO PROGRAMÁTICO
Organização I:
a) Primeiros passos;
b) Pré-evento;
c) Alojamento, hotel;
d) Divulgação antes, durante e depois. 
Organização II:
a) Tipo de material de jogo a ser usado;
b) Local de jogo e distribuição das mesas;
c) Iluminação necessária. 
Leis da FIDE III: A importância da compreensão das Leis da FIDE e sua aplicação.
a) Conceitos básicos na regulamentação FIDE;
b) A regulamentação e sua aplicação. 
Leis da FIDE IV: Sistemas de Competição, Emparceiramentos, Critérios de Desempate.
a) Sistema Suíço, Schuring (round-robin);
b) Critérios de Desempates, Sonnembor-Berger, Milésimos totais, Milésimos medianos...etc 
Leis da FIDE V: O Árbitro.
a) Papel e postura do Árbitro (conduta);
b) Últimos comentários sobre as Leis da FIDE.

SWISS MANAGER 
- Introdução, Instalando o programa, Atualização, Explicações dos Menus, Ícones e Teclas de Atalho, Descrição do Comando Botões.
        - Iniciando um Torneio, Dados do Torneio, Entrada de Jogadores, Torneios individuais e em Equipes, Dialogo de datas, Critérios de Desempates, Escolha do Sistema de Desempate.
        - Entrada de Jogadores por Torneio de Equipes, Entrada de participantes com um Rating List, Emparceiramento das rodadas, incluir, excluir jogadores e equipes, emparceiramento manual, Definir Bye, (jogadores/Equipes) Manualmente, Digite Resultados (Sistema Suíço Individual, Round-Robin Individual), Digite Resultados (Sistema Suíço Por Equipes, Round-Robin Por Equipes), Dialogo de Prêmios / Lista de Prêmios, Correção dos Dados Errados, Imprimir, Visualizar Impressão, Imprimir Varias Listas, Lista de Checagem do Emparceiramento, Gerar Normas para FIDE, Estatística de Rating de um Jogador FIDE ou CBX, Relatório Krause.
        - Como Publicar Torneios na Internet, Swiss-Manager e Chess-Results, Processo de Vários Torneios Simultâneos, Troca de Dados com Outros Programas, Arquivos em PG

Sistema Esportivo Catarinense, regulamentos e encargos dos árbitros

Atribuição dos coordenadores e árbitros escalados para os eventos promovidos pelo governo do estado, estrutura hierárquica do sistema e Códigos de Justiça Desportiva;

Regulamentos eventos FCX e encargos dos árbitros

Atribuição dos coordenadores e árbitros escalados para os eventos promovidos pela  federação, estrutura hierárquica, regulamentos, premiação, resultados, informações para publicação e responsabilidades com a justiça desportiva;

PROGRAMAÇÃO
SEXTA-FEIRA
SÁBADO
DOMINGO
SEGUNDA-FEIRA
TERÇA-FEIRA
22/11/2013
23/11/2013
24/11/2013
25/11/2013
26/11/2013
Todos os dias, das 8h00min às 12h00min.
INVESTIMENTO
Até dia 18 de novembro:
R$ 80,00 (oitenta reais), "Sem Clube", "Irregulares", ou de outros Estados.         R$ 60,00 (sessenta reais), para os clubes regulares/ sócios avulsos FCX.
Todo o clube regular e em dia com a FCX poderá indicar um participante que será isentado pela FCX da inscrição.
Após dia 20 de novembro:
R$ 100,00 (cem reais).
Os participantes que alcançarem a nota 7,0 poderão registrar-se na CBX com o título de AA (árbitro auxiliar), sem necessidade de estágio, após pagarem seu registro de árbitro, através de boleto e enviarem seu currículo à CBX.
INFORMAÇÕES
AN Luciano Justi Antunes - Coordenador de arbitragem da FCX.
CREF.: 009316-G/SC - luciano_justi@yahoo.com.br


MINISTRANTES

Carlos Calleros
Árbitro Internacional FIDE 1987
Árbitro Internacional pela IBCA – International Blind Chess Asociation FIDE, 1996.
Secretário Geral da CBX 1990/1997 e 2000/2001
I Camp. Pan. U -10/12/14 M/F – Cubatão – SP 1989
II Camp. Pan. U -10/12/14/16/ M/F – São Paulo – SP 1990
I Camp. Sul. Xadrez Rápido - Foz do Iguaçu – PR 1990
II Camp. Sul. Xadrez Rápido - Foz do Iguaçu – PR 1990
Camp. Mundial U 16/18 B/G - Guarapuava – PR – 1991
Campeonato Mundial por Equipes U26 – Maringá – PR 1991
Campeonato Mundial por Equipes U26 – Paranaguá – PR 1993
Camp. Mundial U 16/18 B/G - Guarapuava – PR – 1993
Campeonato Mundial U 10/12/14 B/G – Poços de Caldas – MG 1995
Campeonato Mundial Juvenil U 20 B/G – Matinhos – PR 1995
Olimpíada Mundial de Deficientes Visuais – Laguna – SC 1996
Campeonato Pan Feminino – Campinas - SP 2010
Campeonato Brasileiro Juvenil Abs./Fem. Campinas - SP 2011
Festival Internacional Kuña Arandu – Assunção PAR 2012
XII Festival Internacional Festa da Uva - Caxias do Sul - 2012
Universíade de Verão – Kazan – Rússia - 2013

Emerson Muller
Árbitro FIDE
World Youth Chess Championship - U16 Boys
Campeonato Panamericano de Xadrez Feminino 2011
Campeonato Panamericano de Xadrez da Juventude 2010
Duas Finais de Campeonato Brasileiro de Xadrez Feminino 2008, 2009.
Campeonato Brasileiro de Xadrez Sênior 2010.
Campeonato Brasileiro de Xadrez de Categoria Infanto Juvenil 2009.
Campeonato Brasileiro de Xadrez de Categoria Cadete 2009.
Campeonato Brasileiro Interclubes de Xadrez 2009.
Campeonato Brasileiro de Triatlon Chess - 30' - 15' - 5'.
JUBs – Jogos Universitários Brasileiros 2010, 2011.
Aberto do Brasil – Itaipu Binacional 2010.
Aberto do Brasil – Maringá 2012.
Aberto do Brasil Rápido – Pelotas 2012.
Aberto do Brasil – Campos Novos 2011.
Regional Sul Brasileiro de Xadrez Escolar 2010.
Duas Finais de Campeonato Gaucho de Xadrez Absoluto 2006, 2008.
Semi Final do Campeonato Gaucho de Xadrez Absoluto 2009.
Semi Final do Campeonato Catarinense de Xadrez 2009.
JASC – Jogos Abertos de SC 2008, 2009 2010.
JOGUINHOS – Joguinos Abertos de SC 2008, 2010.
OLESC - Olimpíadas Escolares de SC 2008, 2010, 2011.
PARAJASC – Jogos Paradesportivos de SC 2011.
JESC – Jogos Escolares de SC 2010, 2011.
JERGS – Jogos Escolares do RS. 2004, 2005, 2006, 2007, 2008, 2009, 2010, 2011, 2012.

Kaiser Luiz Mafra
Árbitro FIDE - Técnico Prof.º de Xadrez em Florianópolis
Bacharel em Direito e Advogado
Professor de xadrez no Instituto Estadual de Educação – IEE
Mestre Nacional pela Confederação Brasileira de Xadrez – CBX;
Candidato a Mestre pela Fédération Internationale des Échecs – FIDE,
ex-presidente da Federação Catarinense de Xadrez – FCX;
Rating Internacional 2205
Compõe a equipe técnica de Florianópolis. tendo sido Técnico das seleções de base de Florianópolis de 2000 a 2003, de Balneário Camboriú em 2005 e de Itajaí de 2006 a 2009, da equipe feminina de Concórdia em 2010.
Presidente do Clube de Xadrez de Florianópolis (2003/2005) e do Clube de Xadrez de Itajaí (2007/2009);
Membro do Conselho Fiscal (2003/2004); 2º vice-presidente (2005/2006); 1º vice-presidente (2007/2008); Secretário Geral (2009/2010) da Federação Catarinense de Xadrez – FCX; Coordenador de Xadrez (2004/2008) da Federação Catarinense de Desporto Universitário – FCDU; Conselheiro representante dos Árbitros e Secretário Geral (2007/2009) do Conselho Municipal de Esportes de Itajaí – COMEL.
Árbitro de diversos eventos em nível municipal, estadual, nacional e internacional.
FESTIVAL PAN-AMERICANO DE XADREZ DA JUVENTUDE, Balneário Camboriú, (2005); (Organizador e Árbitro);
CAMPEONATO PAN-AMERICANO UNIVERSITÁRIO, Lages, (2003); (Árbitro);
CAMPEONATO BRASILEIRO JUVENIL, Florianópolis, (2003); (Organizador e Árbitro);
CAMPEONATO BRASILEIRO FEMININO e SÊNIOR, Balneário Camboriú, (2011); (Organizador e Árbitro);
CAMPEONATO BRASILEIRO SÊNIOR, Penha, (2009); (Organizador e Árbitro);
ABERTO INTERNACIONAL DE MARINGÁ, Maringá/PR, (2013); (Árbitro);
ABERTO INTERNACIONAL DE REGISTRO, Registro/SP, (2013); (Árbitro);
ABERTO DO BRASIL DE JOINVILLE,    Joinville/SC, (2013); (Árbitro);
CAMPEONATO BRASILEIRO FEMININO e SÊNIOR, Itapirubá, (1997); (Árbitro);
OLÍMPIADAS UNIVERSITÁRIAS – JUBS, Blumenau, (2010); (Árbitro);
FESTIVAL NACIONAL DA CRIANÇA – FENAC, Blumenau, (2002); (Árbitro).

Eduardo Quintana Sperb
Árbitro da CBX - Técnico e Prof.º de São Bento do Sul
6 Cursos de Organização e Arbitragem Organizados/Ministrados
10 eventos FIDE arbitrados
14 CBX arbitrados
28 FCX arbitrados
36 Fesporte arbitrados
Aproximadamente 40 eventos oficiais organizados
Mais de 200 eventos escolares e não oficiais arbitrados
Disciplina de "Introdução ao Xadrez Escolar" Ministrada no CEFD - UFSM;
Palestra e Capacitação de professores (1200) em 2 Simpósios Nacionais
Mais de um dezena de Publicações e Artigos
Responsável pela Implantação do Xadrez em São Bento do Sul
Atuação como Técnico, Dirigente e Atleta
Diretor da Empresa Xadrez Educa
PROFISSIONAL DE EDUCACAO FISICA, CREF 0581!

Gilson Luís Chrestani
Árbitro Nacional - Presidente da Federação Catarinense de Xadrez
Bacharel em Administração
Presidente do Clube de Xadrez de Florianópolis por 2 gestões
Conselheiro Estadual de Esportes do Estado de S.Catarina 2002/2003 e 2011/2012
Diretor do XVI Pan-Americano da Juventude em 2005 em B.Camboriú
Participante/palestrante em Seminário, Simpósios e Congressos sobre gestão esportiva e xadrez, entre os quais o Festival Panamericano de la Juventud 2004 em Bogotá
Diretor, coordenador e árbitro de dezenas de eventos de xadrez no país
Tri campeão citadino de Xadrez de Florianópolis 1989/1990/2002
Campeão da Taça Santa Catarina de 1993
Técnico Equipe Florianópolis JASC com: 4 ouro, 4 prata e 5 bronze masc. e 2 prata e 4 bronze fem.
Participantes Campeonatos Amadores Mundiais em 2000 e 2001
Bi-campeão Catarinense de Xadrez Postal
Campeão Brasileiro de Xadrez Postal 1999 e da Taça Brasil 1988
Mestre Brasileiro de Xadrez Postal 2003
Maestro Latinoamericano no Mundial ICCF e Mestre Internacional ICCF de Xadrez Postal, ambos outorgados em Rimini (Itália) em 2001
Senior International Correspondence Chess Master, outorgado em 2010 na Turquia
Coordenador Olimpíadas Universitárias - JUBS 2010 em Blumenau
Coordenador equipes de Santa Catarina nos JUBS 2010, 2011, 2012 e 2013

Auxiliar Técnico 11th World University Chess Championship 2010 em Zurich
Chefe delegação brasileira no World Youth Chess Championship na Grécia
Chefe delegação Brasileira no Festival Panamericano na Bolívia em 2
004

sábado, 2 de novembro de 2013

Homenagem

Amigos;

Hoje, homenageio aquele que, de tão Vivo que é, resolveu nascer no Dia dos Mortos.

E essa homenagem vai na forma de uma bela partida do genial Alekhine, tendo por tema central o sempre recorrente Corredor da Morte, abordado pelo aniversariante em suas memoráveis Palestras e comentários sobre partidas de jogadores de todos os niveis, até de GMs.

Aliás, um bom tema para se comentar logo no dia de Finados... hehehehe

E aqui, o tema aparece não apenas em sua forma costumeira, na horizontal, com a oitava fila desguarnecida, mas também na vertical, na coluna h. Como diz o Kaspa em seu comentário, a estrutura de peças pretas na ala do rei, que deveria servir de proteção, aqui se constitui em verdadeiro sepulcro, encerrando o monarca preto em dois corredores mortais...

É a "Green Mile" em dobro! Relembrando o fantástico filme inspirado na novela do Stephen King...hahahahaha

A partida é um primor, refletindo muito bem o estilo incrivel do genial Aleka.

Seu procedimento de ocupação das colunas abertas, posicionamento do bispo em e4 (obstruindo a ação da torre em e1 e escondendo temporariamente suas intenções malévolas) e posicionamento da Dama na casa c6, tudo isso dificultando ao máximo a defesa do adversário e inclusive induzindo-o ao erro fatal, constitui uma lição inestimável para o estudioso.

Acho que já advinharam quem faz anos hoje, mas insisto em dar o nome: trata-se de uma "justa" homenagem ao Justo, codinome ReiChemim. Hehehehe.

Enjoy!

Talforever!

Ernesto.

Alekhine,Alexander - Colle,Edgar [D07]
Paris , 1925
 [Análises by Kotov e Kasparov]

 1.d4 d5 2.c4 Cc6 3.Cf3 Bg4
Nas primeiras décadas do século XX, os ultramodernistas proclamaram novos princípios sobre a luta no centro. Sua doutrina consistia, não em ocupá-lo com os peões, mas em atacá-lo com as peças nos movimentos iniciais da partida. Nesse contexto, surgiram a Abertura Reti, a Defesa Índia do Rei, a Defesa Nimzovitch, a Defesa Nimzoíndia, a Defesa Grunfeld, e outras, tão populares na atualidade.
Tal ponto de vista sobre esse tema não é, contudo, idéia de Reti, nem de Nimzovitch. O grande enxadrista russo M. I. Chigorin já havia praticado o ataque de peças contra o centro, como utilizado na presente partida. (Kotov).

 4.Da4

Alekhine tem a boa idéia de entregar um peão para exercer forte pressão nas diagonais e colunas do centro.

 4...Bxf3 5.exf3 e6
Em caso de 5...dxc4 6.Bxc4 Dxd4 7.Cc3 e 8.Be3. Brancas desenvolveram suas peças e o peão a menos ficaria suficientemente compensado. (Kotov).

 6.Cc3 Bb4 7.a3 Bxc3+ 8.bxc3 Cge7 9.Tb1 Tb8 10.cxd5

Essa série de lances também ocorreu na partida jogada pelos mesmos jogadores no Torneio de Baden Baden 1925, onde ali Alekhine jogou 10.Bd3 (Kotov).

10...Dxd5 11.Bd3 0–0 12.0–0 Dd6!
Colle joga essa fase da partida com precisão. Sua Dama impede que o bispo adversário ocupe a casa f4, e deixa a casa d5 livre para ali posicionar um de seus cavalos. (Kotov).

 13.Dc2 Cg6 14.f4 Cce7 15.g3 Tfd8 16.Td1 b6 17.a4

Uma imprecisão, debilitando seriamente a casa b4.
Alekhine recomenda prosseguir com 17.Bb2 e 18.c4. (Kotov).

 17...Cd5! 18.Bd2

Se 18.c4 Cb4, com vantagem. (Kotov).

 18...c5 19.f5

Com a intenção de dar mais mobilidade aos bispos. (Kotov).

19...exf5 20.Bxf5 cxd4 21.cxd4 Cde7 22.Bb4!

Esse lance demonstra uma avaliação exata da posição, ao estilo alekhiniano: percebendo que os cavalos são mais fortes que os bispos neste caso, não reluta em trocá-los imediatamente. (Kotov).

 22...Df6 23.Bxe7 Dxe7 24.Tbc1 Td5

24...b5 era melhor. (Kotov).

 25.Be4 Td7 26.d5 Df6 27.Te1!

A idéia por trás desse lance sutil aparecerá ao final da partida. (Kotov).

 27...Tbd8 28.Dc6 Dg5

Colle não percebe o perigo, e em conseqüência colabora inadvertidamente com as intenções de seu adversário. A resposta correta era 28...Dd4. (Kotov).

A primeira vista, parece que Colle neutralizou o perigoso peão passado branco. Contudo, agora ocorre um meio de exploração da fraqueza temporária da oitava fila. (Kasparov).

 29.Bxg6!

Aparentando ser um lance estranho, porque agora o peão isolado não pode mais ser protegido por uma peça menor. Mas Alekhine utiliza desse cambio como suporte de seu plano estratégico, com nuances táticas. (Kasparov).

29...hxg6?

Obviamente a 29...Dxg6? segue 30.Dxd7 com simples ameaça de mate, mas o que há de errado com o lance de Colle, já que automaticamente libera a casa de escape h7 para o rei negro?

Na realidade, o único lance viável era 29...fxg6, embora não evite a evolução do ataque branco:

30.De6+ Rf8?
(30...Tf7! 31.Tc8 Txc8 32.Dxc8+ Tf8 33.Te8 Df6 34.Txf8+ Dxf8 35.Dc6 Dd8 36.d6 Rf7 37.Dc4+ Rf8 38.Dc7 Re8 39.Dxg7 Dxd6 40.Dg8+ Rd7 41.Dxh7+ Rc6 42.h4! (42.Dxa7 Dd1+ 43.Rg2 Dd5+ 44.f3 Dd2+ 45.Rh3 Dh6+ 46.Rg4 Dh5+ 47.Rf4 Df5+ 48.Re3=) )
31.Tc4 Tf7

(31...Txd5 perde mediante a bela sequência  32.Tf4+ Tf5 33.Te5!)

 32.Tc8 ganhando;

ou 30...Rf7 (veja acima) (Kasparov).

30.Dxd7!! Arrematando bonito! (Kasparov).

30...Txd7 31.Te8+ Rh7 32.Tcc8

Que ironia! As peças pretas da coluna g, que deveriam servir de proteção, criam um sepulcro para o seu monarca. Não há escapatória... (Kasparov).

32...Td8 33.Texd8 e pretas abandonam.1–0 (Kasparov).